De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Lifestyle

Rodrigo Leão há 25 anos a “procurar melodias e harmonias”

O músico e compositor Rodrigo Leão, a preparar a celebração dos 25 anos de carreira, em 2018, afirma-se como “um autodidata” e que está “sempre a procurar melodias e harmonias”.

Rodrigo Leão falava à agência Lusa a propósito da efeméride que vai ser assinalada ao longo do próximo ano, e cuja primeira etapa é uma exposição retrospetiva, a inaugurar na quinta-feira, no espaço AtmosferaM., na rua Castilho, em Lisboa.

“Sinto-me como há 25 anos, a tentar procurar melodias, harmonias, às vezes com grande sofrimento, pois nem sempre aparece a inspiração”, disse o compositor à Lusa, referindo também o “importante trabalho” da equipa de produção e dos músicos com quem trabalha.

Os músicos com quem se sente mais perto e os amigos “são muito importantes para o trabalho final”, acrescentou.

Sobre a exposição que é inaugurada na quinta-feira, Rodrigo Leão disse que “tem cartazes, fotografias, muitas delas inéditas, todos os discos editados, e uns desenhos” de sua autoria, feitos a caneta de tinta-da-china e alguns com lápis de cor, uma faceta muito pessoal só conhecida “dos amigos mais próximos e familiares”.

Rodrigo Leão, que completou 53 anos em outubro último, revelou que só começou a desenhar há cerca de cinco anos, e referiu-se aos 12 desenhos que vai apresentar pela primeira vez ao público como “muito simples”, mas que achou “que fazia algum sentido” mostrar neste momento.

Esta exposição será apresentada, posteriormente, em alguns teatros onde projeta atuar, adiantou.

Quanto a perspetivas, pretende, “para já, terminar o projeto” que teve com o compositor e cantor Scott Matthew, e que se materializou no CD “Life Is Long”. Os dois vão voltar a apresentar-se juntos, em março próximo, nomeadamente em Lisboa e no Porto.

“Depois tocaremos só em ocasiões muito especiais, porque ele está a preparar um novo trabalho e eu também”, disse o compositor e autor da banda sonora do filme “O Mordomo”, de Lee Daniels, entre outras obras.

Outro projeto, é retomar “Os Portugueses”, a banda sonora para a série televisiva documental “Portugal, um Retrato Social” (2007), de Joana Pontes e António Barreto.

Rodrigo Leão celebra 25 anos de carreira a solo, contados a partir da edição do álbum a solo “Ave Mundi Luminar” (1993).