De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Lifestyle

“Um caminho mágico e viagem pela história”

O Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) publicou um guia turístico que descreve o Caminho da Geira e dos Arrieiros como mágico, dos mais peculiares e uma verdadeira viagem por diversas épocas da história.

O Guia Turístico da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés dedica um capítulo de 28 páginas, intitulado Ficha de Proposta de Programa Turístico Caminho da Geira e dos Arrieiros, ao itinerário jacobeu que liga Braga a Santiago de Compostela.

Segundo os autores da obra, composta por um total de 124 páginas, trata-se de um dos caminhos “mais peculiares existentes em Portugal”, com uma envolvente histórico-cultural de “elevada importância” e o  enquadramento do Parque Nacional da Peneda-Gerês, de “extrema relevância”.

“É uma verdadeira viagem pelas diversas eras da história, com os vestígios existentes a dotarem o caminho de uma envolvência única”, adianta o Guia Turístico da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés, frisando que o Caminho da Geira e dos Arrieiros tem “passagens por reservas naturais de inigualável valor”.

É um traçado “genuíno”, com “desafios físicos e espirituais, em comunhão com a natureza e a história”, que se “integra de forma natural na história das regiões que atravessa”.

“O percurso torna-se um complexo e intrincado circuito arqueológico romano, com uma passagem de 30 quilómetros pelo Parque Nacional da Peneda-Gerês, através da Geira Romana, mantendo muito do seu traçado original, por diversos pontos de interesse, envolvidos por um ambiente de beleza natural incomparável no contexto nacional”, refere o capitulo relativo ao itinerário, desenvolvido pela Idtour.

O percurso é marcado por um conjunto maioritariamente epigrafado de miliários na Geira Romana, “caso único no território mundial devido à sua extensão e densidade por milha”, constituindo esta “viagem um verdadeiro marco de envolvência cultural e paisagística”, que se tornam “parte da magia do trajeto”.

A primeira edição do Guia Turístico da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés, de seis mil exemplares, datada de março de 2021, propõe que o Caminho da Geira e dos Arrieiros seja percorrido a pé em 14 etapas. A abordagem ao percurso está dividida em 17 subcapítulos.

Um mapa e uma infografia da proposta de etapas, a ficha técnica do percurso, códigos QR para mais informação, a descrição detalhada das atrações/atividades e o que visitar ao longo do caminho são alguns dos temas abordados pelos autores do guia. Os eventuais impactos naturais e culturais, a integração da base económica e a atratividade turística são outros assuntos focados.

O Caminho da Geira e dos Arrieiros foi apresentado em 2017 em Ribadavia (Galiza) e Braga, reconhecido pela Igreja em 2019, reconhecido pela associação de municípios transfronteiriços Eixo Atlântico em 2020 e é um itinerário oficial da Peregrinação Europeia de Jovens do Ano Santo Jacobeu 2021/22.

Este percurso de 240 quilómetros destaca-se por incluir patrimónios únicos no mundo: a Geira Romana e a Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés. Além disso, o seu traçado é um dos escassos cinco que ligam diretamente à Catedral de Santiago de Compostela.