De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Lifestyle

Seia recebe Fórum Internacional de Cinema de Ambiente

A cidade de Seia recebe, no sábado, o II Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente (FIFCA), evento inserido na 25.ª edição do CineEco – Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela.

O FIFCA é “um dos grandes eventos paralelos do CineEco”, que vai decorrer na Casa da Cultura de Seia, de sábado (21:30) a dia 19, segundo a organização.

O evento internacional começa pelas 09:30, no auditório do Centro de Interpretação da Serra da Estrela (CISE), naquela cidade do distrito da Guarda.

“O CISE será o centro do debate internacional sobre a educação territorial e ambiental através do cinema, a emergência climática e sobre o papel das novas gerações nas alterações do clima”, adianta a fonte, em comunicado enviado à agência Lusa.

Naquele dia, vão passar pelo CISE vários cineastas, documentaristas, diretores de Festivais de Cinema Ambiental, jornalistas, ativistas, profissionais de várias áreas (que vão da cultura à educação), estudantes e população em geral.

A organização destaca a presença do fotógrafo e ativista norte-americano Timothy Bouldry, que “viaja pelo mundo a fotografar as lixeiras e a ‘colecionar’ histórias verdadeiramente marcantes sobre os recoletores de lixo e de ‘tesouros’ que outros escolhem deitar fora”.

Também participa a documentarista e jornalista Bárbara Veiga, autora do livro “7 anos, em 7 mares”, que “já cruzou oceanos, atuou em causas socioambientais em mais de 80 países e visitou as mais inóspitas paragens em todo o mundo”.

Na conferência de sábado está também assegurada a presença de Kalyanee Mam, realizadora da curta-metragem vencedora da sexta edição do GFN [Green Film Network] Award “Mundo Perdido” (“Lost World”).

O FIFCA prossegue no domingo e na segunda-feira, mas os dois dias serão dedicados, em exclusivo, a um passeio turístico para convidados do CineEco e membros da rede de Festivais de Cinema Ambiente e à Assembleia Geral da GFN, segundo a fonte.

O diretor do CineEco, Mário Branquinho, citado na nota de imprensa, considera que “o Fórum consolida Seia como a cidade que chama até si a centralidade do debate internacional, além de acentuar a importância dos festivais de cinema ambiental na consciencialização e na educação das populações”.

O CineEco inclui uma seleção oficial de 80 filmes, de 20 países, que abordam questões inerentes ao Ambiente e à Emergência Climática e o impacto da ação do Homem na Terra.

O festival também integra exposições, instalações artísticas ‘indoor’ e ‘outdoor’, um cine concerto, oficinas de educação ambiental, residências artísticas, provas de vinho e de gastronomia local, ‘Eco-talks’ e a iniciativa “Escolas no CineEco”.

O festival é organizado pelo município de Seia e conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República e do Departamento de Ambiente das Nações Unidas.