De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Mundo

Mil goeses pediram a nacionalidade portuguesa em 2015

O número de passaportes portugueses pedidos pelos habitantes de Goa, na Índia, já ultrapassou este ano mais de metade dos passaportes pedidos em todo o ano passado, de acordo com os números das autoridades goesas.

No ano passado, foram emitidos 1.613 passaportes, mas até agora foram emitidos 919 passaportes portugueses para os habitantes de Goa que resolveram trocar o passaporte indiano pelo português, motivados pela vontade de ir para a Europa e pela maior facilidade que o passaporte nacional lhes confere nas visitas aos países vizinhos, a começar pela ausência de vistos.

O número correto deve ser, no entanto, bastante superior, já que existem muitos casos de goeses que estão no estrangeiro e que se deslocam à embaixada indiana para entregar o passaporte e trocar por um português na embaixada portuguesa do país onde estão, explica o jornal indiano Times of India.

“Um detentor de um passaporte indiano precisa de um visto até para visitar o Sri Lanka, e tem de passar pela chatice de fornecer detalhes sobre a conta bancária, os depósitos, as poupanças, as receitas para efeitos fiscais, o histórico da educação e das viagens, ao passo que o passaporte português abre o mundo, e os goeses devem aproveitar essa vantagem, até porque não estão a fazer nada de ilegal, estão apenas a aproveitar um direito de nascimento”, disse um consultor profissional ao ‘Times of India’.

No texto, o jornal explica que para ter um passaporte português é preciso, em primeiro lugar, ter um passaporte indiano, uma vez que, “ironicamente, este é o único documento de identificação que as autoridades portuguesas aceitam”.