De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Portugal

Mais um ninho de vespas asiáticas detetado no concelho de Cinfães

Um ninho de vespas asiáticas foi detetado numa casa abandonada de Souselo, no concelho de Cinfães, sem registo de qualquer picada até ao momento, disse hoje à agência Lusa o autarca local.

De acordo com o presidente da Junta de Souselo, José Manuel Mourisco, o “ninho de vespas foi detetado há alguns dias numa parede de uma casa que está abandonada”.

“Estamos a tentar resolver esta situação, em colaboração com a Câmara de Cinfães, os bombeiros e a Associação SOS Vespa. Até ao momento não houve nenhuma pessoa a ter sido picada”, acrescentou.

José Manuel Mourisco explicou que a população “está informada” e “não se encontra alarmada, embora tenha noção de que é preciso ter algum cuidado”.

“Como é habitual, sempre que pretendemos passar informações, estas são afixas em locais visíveis e solicitámos ao padre, na missa de domingo, que leia um esclarecimento, como aconteceu no fim de semana”, revelou.

Há cerca de um ano, um outro ninho de vespas asiáticas foi detetado na mesma freguesia de Souselo, tendo sido “devidamente eliminado”.

“Os bombeiros, com a ajuda de um apicultor que tinha fatos apropriados, resolveu a situação com a queima do ninho de vespas asiáticas, com um maçarico”, concluiu.

Esta espécie predadora foi introduzida na Europa através do porto de Bordéus, em França, em 2004.

Os primeiros indícios da sua presença em Portugal surgiram em 2011, mas a situação só se agravou a partir no final do seguinte.

Viana do Castelo, capital do Alto Minho, é o concelho com maior número de casos registados, tendo sido sinalizados 619 ninhos de vespa asiática.