De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Colunistas

O meu porto de abrigo

Ando de porto em porto à deriva.

Procuro o meu porto de abrigo mas esse porto existe?

Eu sei lá!

Vou percorrendo os mares e oceanos e nada encontro, nem sequer esses monstros imaginários dos quais ouvi falar. Pensei cruzar Neptuno mas até esse se recusou me cruzar nessa minha viagem.

A minha alma perdeu-se nesse nada do infinito e do vazio supremo.

Mas essa viagem terá um destino? Que procuro eu?

E eis que ouço uma voz ao longe… era ela e a sua voz doce.

L. G. acorda! Estamos atrasados para a Gala do Livro premiado!

Abri os olhos e ali estava ela, ela de vestido de cocktail vermelho, lindíssima como sempre e com o seu sorriso de anjo!

Eu estava no meu porto de abrigo!

BV
16.12.2017