De que está à procura ?

belgica
Lisboa
Porto
Bruxelas, Bélgica
Desporto

Andebol: Sporting vence Besiktas e mantém acesa a esperança europeia

O Sporting venceu este sábado o Besiktas, por 34-27, em jogo da sétima jornada da Liga dos Campeões, ascendendo ao terceiro lugar do grupo D, com seis pontos, mais um que os turcos, que descem agora para o quinto posto.

Um resultado que mantém os ‘leões’ na luta pela passagem à fase seguinte, embora o grupo seja liderado pelo invicto Montpellier (França), estando o segundo lugar a cargo dos ucranianos do Motor, com nove pontos, mais três que o Sporting.

Desde cedo se percebeu que os comandados de Hugo Canela queriam conquistar o terceiro triunfo na prova – depois de terem vencido fora o Besiktas (30-26) e em casa o Medvedi (31-30), e terem averbado quatro derrotas – e manterem-se na peugada pelo acesso à fase seguinte.

Bem a defender e a sair para o ataque, o Sporting apenas esteve a perder quando Pribak inaugurou o marcador, aos 54 segundos, e depois disso foi sempre a somar.

Edmilson Araújo e Pedro Portela, com quatro golos cada, foram os principais impulsionadores leoninos, que viram também o pivô Carlos Carneiro a assumir um papel fundamental, não só na distribuição como nos três golos que marcou na primeira meia hora.

Os turcos estavam longe de estar na melhor forma e mostraram ser uma presa fácil para o ‘dente’ deste leão e quando conseguiam surpreender o momento defensivo luso tinham pela frente o inspirado Aljosa Cudic.

Ao intervalo os turcos corrigiram os erros do primeiro tempo e entraram mais dominadores, chegando mesmo a reduzir a diferença para dois golos de desvantagem (19-17), contudo o apetite do Sporting manteve-se e tornaram-se evidentes as lacunas do Besiktas: erros defensivos no um para um, permitir a chegada da bola aos alas, nomeadamente a Nikcevic, e dificuldades a sair para o contra-ataque.

Mais cerebral, o Sporting procurou ganhar a posse de bola e com isso anular o adversário. Assim, foi mantendo uma almofada de conforto superior a cinco golos de vantagem e os turcos acabaram por sucumbir por 34-27.

Jogo realizado no Pavilhão João Rocha, em Lisboa.

Sporting – Besiktas, 34-27.

Ao intervalo: 17-12.

Sob a arbitragem de Fabian Baumgart e Sasha Wild, da Alemanha, as equipas alinharam e marcaram:

– Sporting: Alijosa Cudic, Pedro Portela (5), Frankis Carol (6), Tiago Rocha (4), Carlos Carneiro (5), Edmilson Araújo (4), Ivan Nikcevic (6), Pedro Valdez (2), Carlos Ruesga e Filipe Borges (2).

Treinador: Hugo Canela.

– Besiktas: Karim Hendawy, Faruk Vrazalic (4), Nemanja Pribak (1), Marko Krsmancic (4), Mihajlo Radojkovic , Tolga Ozbahar (3), Mijo Tomic (5), Ramazan Döne (7), Taner Özbahar, Faruk Vrazalic, Filip Lazarov (1), Josip Buljubasic, Nemeth Demirezen (1) e Onur Ersin (1).

Treinador: Ilker Senturk.

Marcha do marcador: 2-1 (5 minutos), 7-4 (10), 9-6 (15), 12-7 (20), 15-11 (25), 17-12 (intervalo), 19-17 (35), 22-17 (40), 23-19 (45), 26-20 (50), 29-14 (55) e 34-27 (resultado final).

Assistência: 1.114 espetadores.